MotoGP - Commercial Bank Grand Prix of Qatar

March 20, 2016

 

Yamaha, Ducati e Honda no Pódio da Abertura do Mundial

 

O pole Jorge Lorenzo perdeu a ponta ainda na primeira volta para o veloz Iannone, na segunda volta Lorenzo também foi ultrapassado por Dovizioso, quando as Ducati foram para a ponta ai começou uma batalha ente Iannone e Dovizioso que só acabou quando Iannone perdeu a frente da moto vindo ao chão ainda na quinta volta, Dovizioso liderou até a volta sete quando Lorenzo retomou a ponta, com Dovizioso, Marquez e Rossi, estes quatros formaram um pelotão isolando-se dos demais. Por muitas voltas a prova ficou monótona, apenas quando faltavam três voltas as coisas voltaram a esquentar, Marquez ultrapassou Dovizioso e Rossi encostou, na ultima volta enquanto Lorenzo já estava bem a frente, Dovizioso voltou a ganhar a segunda posição, Marquez garantiu o pódio na terceira colocação e Rossi o maior perdedor desta prova em quarto lugar.

No final com uma leve provocação de Lorenzo a torcida (provavelmente de Rossi) não o perdoou.

O espanhol Jorge Lorenzo além da Pole e da vitória conquistou a melhor volta da pista de todos os tempos batendo o tempo do australiano Case Stoner, o recorde agora é de 1:54.927min.

 

 

 A categoria Moto3 como sempre teve uma prova de tirar o folego, um pelotão de seis pilotos disputando todos os espaços da pista, Fenati largou na ponta, caiu para a segunda colocação, voltou a liderar e assim a corrida transcorreu com Fenati, Brad Binder disputando a liderança, mas no final foi outro italiano a surpreender, Niccolò Antonelli da Ongetta-Rivacold (pupilo do piloto Valentino Rossi) a vencer com 7 milésimos a frende de Binder da KTM, Francesco Bagnaia em terceiro, Romano Fenati em quarto e Enea Bastianini em quinto, dos cinco primeiros colocados somente Binder da África do Sul não era italiano.

 

A Moto2 também foi outra prova espetacular, já na largada vários pilotos queimaram a saída e tiveram que fazer um drive-thru, na frente a disputa foi marcada pelo suiço Thomas Luthi da Garage Plus Interwetten e pelo ítalo-brasileiro Marco Morbidelli e mais atrás vinham o italiano Simoni Corsi e pelo alemão Sandro Cortese disputando a terceira colocação, um final de corrida emocionante aconteceu  já na ultima volta quando Luthi ultrapassou Morbidelli para vencer a prova, na terceira posição vindo de trás e surpreendendo a todos o espanhol, Luis Salom. Porem Morbidelli tomou vinte segundos de penalização devido a queima na largada, com isto finalizou em sétimo lugar. A primeira posição foi para Luthi, segundo para Salom e terceiro para Corsi.

 

A segunda etapa do campeonato será no dia 3 de abril em Termas do Rio Hondo na Argentina.

 

Fotos: MotoGP

 

 

 

Please reload

© 2016 Photo and Road - ALL RIGHTS RESERVED

GET MORE FROM THE TEAM:

  • Instagram Clean
  • Facebook Clean
  • Twitter Clean