Honda CBR 650 F – Muito mais que “Fun” !

April 20, 2016

 

Lançada em 2014 a Honda CBR 650F ainda continua sendo comparada com a descontinuada CB 600F Hornet, incrivelmente como a Hornet ainda mantém um séquito de seguidores pelo país e pelo mundo. Passados quase dois anos após o fim deste ícone chamado Hornet, muitos motociclistas ainda tendem a comparar a chegada da CB 650F e da CBR 650F como uma troca que não chega a altura da antiga “Vespa”, na realidade esta nova geração de motocicletas não veio para substituir a CB 600F Hornet, esta saiu do mercado por simplesmente não mais atender as futuras regras do Promot daquele momento.

 

A chegada desta nova classe de motocicleta, muito mais que um simples “Fun” do F em seu nome, veio para abranger segundo a Honda uma maior quantidade de motociclistas, motocicletas que mesclam esportividade com facilidade em sua pilotagem, ou seja, pode ser brava quando se faz necessário mas devendo ser fácil pilotagem, sem explosões de potência. Quando se entende isto aí sim fica fácil entender esta motocicleta, um motor que utiliza o famoso quatro cilindros em linha, câmbio muito macio e preciso, ciclística perfeita e posicionamento quase esportivo, com um semi-guidão mais elevado e pedaleiras recuadas deixa a motocicleta entre o conforto e a vontade de se esconder atrás da bolha.

Na Europa o modelo foi logo adotado para ser a motocicleta da classe European Junior Cup que compete juntamente com as categorias tops do Mundial de Superbike, o World SBK, categoria onde competiu Sabrina Paiuta em 2013.

 

Graças aos três pontos; guidão, pedaleiras e assento, é possível pilota-la tranquilamente pela cidade sem incomodo, diferentemente do que costuma ocorrer com uma esportiva puro sangue, onde o posicionamento tende a cansar mais que o normal quando do uso no transito sem fim das grandes cidades. Esta carenada trafega tranquila entre os carros e ainda com a facilidade de ter um espelho totalmente escamoteável, mas a parte mais divertida é na estrada, voltando a frisar, este não é um modelo para querer fazer comparação com uma super esportiva !!! mas... ela é muito mais que divertida, quando exigido o seu motor de 649 cc em rotações subindo além dos seis mil RPM, esta máquina mostra que também é valente. E quando se trata de quatro cilindros em linha acima dos 600 cc é sempre motivo para grandes emoções.

 

Com um visual bastante moderno, deixando transparecer esportividade, suas linhas fazem logo lembrar de outros modelos CBR. Um motor como já falei, com 649 cc, DOHC, refrigeração liquida, injeção eletrônica PGM-FI, 87 cavalos a 11.000 RPM de potencia máxima, com 6,4 kgf.m a 8.000 RPM de torque, um chassi em aço no formato Diamond em 197 kg na versão com ABS. A sua traseira também segue o mesmo padrão para outras CBR, assento afunilado e mais compacto para a garupa, balança em alumínio e uma bela ponteira curta que casa totalmente com o restante do desenho desta 650F. Em se tratando de freios e suspensões ela está muito bem servida, na dianteira a suspensão telescópica tem 120 mm de curso bem calibrado para este padrão e com um duplo disco de 320 mm e pinças Nissin, na traseira monoamotercida com 128 mm de curso e disco simples de 240 mm, ambos com ABS, rodas raiadas de liga leve e aros de 17 polegadas  completam o sistema. O seu tanque de combustível é de 17,3 litros e pode ter uma autonomia além dos 340 km se acelerar de leve e uma média de uns 290 km andando apenas na cidade. O painel digital é bastante completo, dividido em dois, à esquerda vemos um velocímetro e o conta giros, à direita temos relógio, autonomia máxima e média, hodômetro total e dois parciais, temperatura do motor e marcador de combustível.

 

Em resumo, a CBR 650F é uma motocicleta que pode ser esportiva, mas com uma pilotagem muito fácil e agradável, para aqueles que que querem esportividade mas que não querem ficar jogados sobre o tanque de combustível, esta pode ser uma excelente opção. O seu ponto forte sem dúvidas é o seu motor com bom torque e potência, que trabalha muito bem com um câmbio extremamente macio, podendo circular com pouquíssimas mudanças de marchas.

A Honda atualmente disponibiliza este modelo nas cores, vermelha com ou sem ABS e branca apenas com ABS, o seu preço sugerido nas concessionarias é de R$ 33.060,00 reais sem ABS e de R$ 35.431,00 reais com ABS.

 

 

 

 

Please reload

© 2016 Photo and Road - ALL RIGHTS RESERVED

GET MORE FROM THE TEAM:

  • Instagram Clean
  • Facebook Clean
  • Twitter Clean